Texto e fotos: Kadu Pinheiro

San Miguel de Cozumel, ou simplesmente Cozumel, é uma ilha localizada a 60 quilômetros ao sul de Cancun, na península de Yucatan no México. Destino muito procurado por mergulhadores de todas as partes do mundo, devido as suas águas quentes, cristalinas e repletas de vida. Considerada “O CÉU NA TERRA”, pelas pessoas que vivem na ilha, e não é exatamente um exagero essa afirmação, pois com suas praias de areia branca e águas azuis o lugar remete mesmo ao paraíso.

Um lugar “preguiçoso”, no sentido da simplicidade e hospitalidade de seu povo. Mas não se engane, pois Cozumel tem uma tradição turística mundialmente conhecida. O aspecto cultural está por todos os cantos da ilha, com pirâmides Maias, monumentos, vida selvagem e belas paisagens, especialmente as praias ao sul da ilha. Lugar ideal para passar sua lua de mel, mas também para mergulhar até não conseguir mais colocar um regulador na boca, Cozumel é sem sombra de duvidas é um santuários marinhos do Caribe.

Ao sul da ilha fica a segunda maior barreira de corais do mundo (perdendo apenas para a australiana), que somada à visibilidade que gira em torno de 30 a 50 metros dependendo do ponto e da época do ano, proporciona experiências inesquecíveis para mergulhadores de todos os níveis.

Sobre a Cozumel Marine World
É para proporcionar uma experiência de mergulho, considerando a segurança, diversão e experiência de aprendizagem superior.
Jorge Marin Começou a mergulhar em 1979 enquanto estudava em uma Universidade. Alcançou o nível de mergulho 3 estrelas da FMAS e CMAS. Realizou mergulhos em Veracruz, Acapulco e Nevado de Toluca. Numa viajem ao Caribe Mexicano ficou impressionado com a coloração da água do mar e as magníficas formações coralíneas de Cozumel. Regressando a Cidade do México se formou, mas não pode esquecer Cozumel, tanto que voltou e se erradicou neste maravilhoso paraíso do mergulho, mudando completamente seu estilo de vida. Hoje, tem mais de 10.000 mergulhos, certificou mais de 1000 mergulhadores e mais de 500 Instrutores. É Instrutor PADI desde 1985 e Course Director PADI desde 1995, Ministrou vários cursos na América Central e do Sul. Se sente plenamente realizado ensinando mergulho e realizando mergulhos, porque embaixo da água, no mar, cada momento é especial para ele.

A ilha em nada se parece com Cancun em termos de infra estrutura e agito, mesmo vivendo quase que exclusivamente do turismo Cozumel possui um clima de cidade pequena do interior, que se percebe logo na chegada com a diferença das ruas (agora estreitas), do comércio (praticamente todo em lojas de rua), dos restaurantes (quase todos típicos) e da menor quantidade de hotéis e resorts espalhados pela ilha.

Há várias opções para se chegar a Cozumel. A mais comum é usar um ferry que parte de Playa Del Carmen e leva cerca de 35 minutos para fazer a travessia. existem 2 empresas que prestam o serviço com horários intercalados de hora em hora, o valor cobrado pela travessia é de mais ou menos 30 dólares. Dica: para não passar mal: Viaje no segundo andar e sente-se no meio.

Playa del Carmen é uma boa opção para quem quer unir um pouco da badalação de Cancun, com praias de livre acesso e preços mais acessíveis. A cidade não é grande, mas tem diversas opções de hospedagem, alimentação e lazer para todas as idades.

Como a maior parte dos turistas que vão a Cozumel são passageiros dos cruzeiros, o preço da hospedagem é bem abaixo dos valores cobrados em Cancun.  Os hotéis da ilha também são com sistema all-inclusive, permitindo que o hóspede fique todo o tempo que quiser no hotel sem se preocupar com alimentação e lazer, já que está tudo incluído!

O transporte é feito basicamente em taxi que não possuem taxímetro, ou seja, você combina antes o valor da corrida. Também é possível alugar jipes e scooters para rodar pela ilha com mais liberdade. Dependendo do hotel em que você se hospedar (se for mais próximo do centro) é possível fazer tudo a pé mesmo.

A cidade também oferece diversas opções de compras, desde artesanatos a joalherias internacionais.  Muito cuidado como os preços de artesanatos, aqui vale a dica de negociar e de principalmente se arriscar no “portunhol”. As lojas de artigos locais estão espalhadas pelo centro em pequenas galerias e todas estão próximas. Também existem dois centros comerciais, um chamado Forum Plaza e o outro Punta Langosta, que possuem lojas de marcas internacionais e diversas joalherias. 

No Punta Langosta estão as principais opções de entretenimento de Cozumel: Señor Frog’s, Carlos’n Charlie’s e um dos dois Hard Rock Café da ilha (o outro fica no centro e é o menor do mundo segundo o letreiro na porta).

As principais atrações de Cozumel são:

Parque Chankanaab: Fica mais ao sul da ilha, está localizado no Parque Nacional Marinho e apresenta uma linda formação de corais com bom mergulho. O parque também oferece mergulho com golfinhos, assistir a um show com leões marinhos, passear pelo jardim botânico, visitar a “Zona Maya” que reproduz uma vila Maia, onde os visitantes podem conhecer um pouco mais sobre a cultura e as praticas de cultivo desse povo, dentre outras coisas. É o local mais procurado pelos passageiros dos cruzeiros, pelo fato de proporcionar muitas atividades no mesmo dia e em um só local. O valor da entrada é de US$19 para adultos e US$10 para crianças entre 3 e 11 anos, as atividades como o nado com os golfinhos são cobradas à parte, fica aqui um parenteses, pense duas vezes antes de mergulhar com os golfinhos, pois lembre que esses animais são capturados de seu ambiente natural muitas vezes de forma traumâtica para satisfazer os interesses humanos e engordar as contas bancárias de quem explora esse tipo de entretenimento, boicotando esse tipo de “lazer” você estará ajudando a salvar e a preservar a vida de milhares de animais.

Cozumel é bem conhecida dos Brasileiros, com mergulhos quase sempre em Drift, (correnteza), muita vida e formações coralíneas únicas, com muitas esponjas coloridas, cavernas e passagens que tornam o relevo submarino da região único e singular. 

ALGUNS DOS PONTOS DE MERGULHO:

O recife de Palancar Garden, conhecido como um dos mais populares pontos de Cozumel, tem um mergulho de 20 a 30 metros de profundidade, onde se encontra a maior concentração de espécies marinhas, da região.

Mergulhar em Palancar Garden é como entrar num mundo a parte, com pequenas cavernas, passagens e abundante formação de esponjas e corais multicoloridos, oferece um dos visuais mais alucinantes da Ilha.

Tormentos Reef: Várias formações de coral intercaladas com vales de areias brancas e muita vida marinha, casa de uma moréia verde gigante muito dócil e amistosa.

Chancanab Reef: Recife localizado na frente do Hotel Cozumel Resort que tem uma replica da pirâmide maya  Kulkulcan em Chichen Itza, perfeito para mergulhos noturnos ou para fotos macro, nesse ponto a correnteza é muito fraca e não passa de 10 metros de profundidade.

COMO VOCÊ CHEGA LÁ:

De diversas cidades brasileiras partem vôos que desembarcam o turista em Cancun, entre elas as principais são a COPA AIRLINES (via Cidade do Panamá e a mais rápida), a AEROMEXICO (via Cidade do México) e a AMERICAN AIRLINES (via Miami ou Dallas). De Cancun partem transfers individuais ou em grupo até Playa del Carmem, de onde se faz a travessia para a ilha via Ferry Boat. 

ONDE FICAR: 

Hotel Cozumel & Resort

Entre os Hotéis de 4 estrelas da ilha, o Cozumel & Resort é considerado um dos melhores e mais bem localizados, com sistema all-inclusive e a operadora de mergulho Divers Paradise dentro do Hotel é uma das melhores opções de hospedagem para grupos de mergulho, uma piscina grande com decoração temática além de confortáveis apartamentos, serviço de bar e restaurante 24 horas e praticamente ocupado por mergulhadores do mundo todo, fazem do hotel um “dive point” perfeito para curtir suas férias.

INFORMAÇÕES GERAIS:

  • Melhor Época: Bom o ano inteiro, podendo chover (muito pouco) entre os meses de dezembro a fevereiro. Pode ser afetada pela temporada de furacões, entre setembro e novembro.
  • Temperatura do Ar: o ano todo mínima de 25 e máxima de 35 graus.
  • Temperatura da Água: Novembro a Março em torno de 27 graus. Demais meses de 28 a 30 graus, ou seja, roupa fina (2 ou 3mm) é mais que suficiente.
  • Visibilidade Média: 30 metros.
  • Documentos: Passaporte válido nos próximos 6 meses a partir da data de embarque e autorização eletrônica de visto “SAE”.
  • Língua: A oficial é o espanhol, mas todos falam também o inglês.
  • Moeda: Oficial é o Peso Mexicano, mas o Dolar é bem aceito para qualquer compra de produtos e serviços. Cartões de Crédito internacionais são aceitos por toda a ilha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *