Texto e fotos: Kadu Pinheiro

A pitoresca ilha e suas águas cristalinas atraem inúmeros mergulhadores, já que a Ilha de Roatan está localizada na barreira de arrecifes Mesoamericana, o segundo maior arrecife de corais do mundo.

O arquipélago das ” Islas de la Bahía”, ou “Bay Islands” fica de 18 a 30 milhas da costa de Honduras sendo formado por 3 grandes ilhas (Roatán, Guanaja e Utila) e cerca de 60 outras pequenas ilhotas, formando uma cadeia de ilhas no Mar do Caribe. Roatan apesar de pequena e remota é de fácil acesso, mede 60 km de comprimento e 8 km no seu ponto mais largo.

As ilhas, foram descobertas por Colombo durante a sua quarta viagem para as Américas em 1502 e foi colonizada por Britânicos, holandeses e piratas franceses que transformaram a ilha em uma base para pilhagem de tesouros saqueados dos navios espanhóis, que navegavam pelo Caribe naquela época.

A ilha e suas águas cristalinas atraem mergulhadores do mundo todo, pois está localizada na barreira de arrecifes mesoamericana, o segundo maior arrecife de corais do mundo, o que a torna um verdadeiro berçário de vida e cores.

Nossa viagem começou no Turquoise Bay Resort, localizado no extremo da ilha, possui ótima estrutura para mergulho com barcos próprios e operadora dentro do hotel, mergulhamos no segundo dia da viagem, pois chegamos no fim da tarde e devido ao mal tempo fomos conhecer os famosos recifes do outro lado da ilha, em uma área mais abrigada do vento mas não menos bonita, mergulhamos em um ponto chamado the caves, e em um pequeno naufrágio de um rebocador.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

No nosso terceiro dia na ilha, nos mudamos para o famoso ANTHONY’S KEY RESORT um dos melhores e mais adequados hotéis para a atividade do mergulho da ilha, o hotel é um verdadeiro paraíso tropical onde a vegetação exuberante é acariciada pela brisa do mar. 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Seus bangalôs de madeira se debruçam sobre uma enorme lagoa abrigada, oferecendo aos hóspedes uma paisagem incrivelmente bela e um visual de ilha da fantasia.

Há mais de 40 anos, esse paraíso, de propriedade de uma única família, é o local preferido pelos mergulhadores do mundo inteiro, conta com uma das melhores estruturas de mergulho do Caribe, com dezenas de barcos, loja de equipamento, sala de aulas, equipamentos para locação e recarga de nitrox, além de muitas outras amenidades, eleva a operação de mergulho da ilha a um outro patamar.

A frota particular do Anthony’s Key Resort é formada por modernos barcos totalmente preparados para a atividade, levando os mergulhadores em poucos minutos aos diferentes pontos de mergulho da ilha.

A rotina de mergulhos começa no dia anterior, onde em um imenso quadro negro você verifica em que barco está seu grupo, e para qual ponto de mergulho ele vai no dia seguinte, no quadro também é possível marcar se deseja mergulhar com nitrox e se vai fazer o mergulho da tarde e ou noturno do dia.

É possível fazer até 4 mergulhos embarcados no dia e ilimitados de praia a partir da estrutura do hotel localizada próxima aos bangalos.

Ainda dentro do complexo de mergulho, conta com uma camera hiperbárica que atende eventuais acidentes de mergulho, mas que é amplamente utilizada para realizar diversos tratamentos junto a população carente da ilha, um serviço de extrema importância que a família Galindo presta aos habitantes locais.

Dentro do hotel temos também o projeto do instituto de Ciências Marinhas de Roatan (RIMS).

Sua missão é levar o visitante seja ele mergulhador ou não o mais próximo possível dos golfinhos, vivenciando uma incrível interação em uma metodologia desenvolvida para causar o menor stress possível nos animais que saem diariamente do complexo onde vivem, (uma área cercada dentro da lagoa interna do hotel, bem grande e natural) para mergulhar com os turistas em mar aberto junto de seus treinadores. 

Por vezes os animais saem para passear com outros grupos de golfinhos selvagens e voltam horas ou dias depois a sua “casa” e a sua “família” dentro do complexo, com certeza os golfinhos aqui tem um tratamento diferenciado e muito mais “humano” se comparado a outros ambientes de cativeiro de shows e espetáculos envolvendo esses inteligentes cetáceos.

Os mergulhos:

Temperatura e visibilidade

A estação das chuvas termina entre Novembro e Dezembro, e a visibilidade melhora substancialmente daí em diante. mergulhos com 30 metros de visibilidade são o normal em Roatan, um pouco menos nos meses de verão. A temperatura da água poderá baixar um pouco, até aos 26ºC, mas o normal é estar acima disso e chegar facilmente aos  30ºC. 

Tipo de mergulhos

Roatan está no meio de um anel de recifes de coral. Os mergulhos são na sua grande maioria realizados nas paredes, ou seja, planaltos próximos da superfície com quedas abruptas até chegar ao fundo de areia, mas a topologia é bastante variada. Entre os mais de 40 pontos existentes, tivemos a oportunidade de conhecer cavernas, passagens e cânions submarinos além de alguns excelentes naufrágios. 

O que se pode ver 

Roatan possui um recife muito saudável, com uma variedade imensa de esponjas e corais de cores variadas considerada a capital das esponjas, e a fauna é variada com peixes de recife, tartarugas, pequenos cardumes, arraias e tubarões lixa, existe também na ilha uma operação de shark dive, realizada por um operador especialista que atende a todos os hotéis da ilha, é um mergulho a parte e deve ser agendado com antecedência, assim como o mergulho com os golfinhos, falaremos desses mergulhos em detalhes mais adiante.

Hot spots 

Não deixe de mergulhar no El Aguila com 70 m e na profundidade de 33 m. Foi afundado em 1997, em West End e, apenas um ano depois, o furacão Mitch dividiu o barco quase nova da ilha em três partes diferentes. A parte do meio do naufrágio foi colapsada pela ação das ondas, mas a proa e a popa estão quase intactas. 

As moréias verdes estão razoavelmente acostumadas com os mergulhadores por aqui e são encontradas com frequência nadando livremente em torno do naufrágio. possibilita uma excelente penetração em sua sala de máquinas.

Odyssey, considerado um dos maiores naufrágios do Caribe, um cargueiro de 91,5 metros de proa a popa que foi propositalmente afundado na costa norte da ilha (Mud Hole) em 2002, Distante cerca de 12 minutos do AKR repousando em um platô de areia à profundidade de 33 m. Esponjas-de-vaso-azuis e esponjas Amphimedon compressa decoram a superestrutura, proporcionando fotos de grande-angular impressionantes. 

No Odyssey também é possível efetuar penetrações em sua sala de máquinas, lembrando apenas que esse tipo de mergulho é recomendado apenas pra quem tem certificação em mergulhos com teto (naufrágios e cavernas) e deve ser executado com planejamento e cautela.

Spooky Channel é um dos pontos favoritos na ponta oeste da ilha. Localizado logo na saída de Sandy Bay, é notável por suas saliências e fissuras escuras. Sua característica mais importante é um canal largo que divide o recife em dois, cujo topo fica a 6 m e estende-se até o fundo, a 27m, peixe-papagaio-da-meia-noite, a garoupa-negra e barracudas, são frequentes nesses ponto. 

em Mary´s Place um platô em cotovelo, afundando no oceano entre 9 m e 15 m, e um par de fissuras decoradas com gorgônias e esponjas que chegam a 23m, fazem deste um dos pontos de mergulho mais amplos e impressionantes da ilha. A vida pelágica pode ser vista saindo das rampas e ao longo das paredes verticais, é considerado um dos melhores mergulhos da ilha, e com certeza vale a pena o repeteco em dias diferentes.

Os mais aventureiros poderão dar longas caminhadas, praticar caiaque, andar a cavalo e muito mais. Os que gostam de mais tranqüilidade, poderão curtir o doce balanço de uma rede ou relaxar a beira da piscina entre um jardim de plantas e flores.

Maya Key

Em uma ilhota localizada a apenas algumas centenas de metros da costa conheça as misteriosas ruínas maias, (uma cópia em menor escala que abriga um museu da cultura maia) localizada em uma ilha que conta ainda com um mini zoo de aves silvestres resgatadas e tratadas pelo centro de reabilitação na ilha, após o passeio você pode usufruir de um delicioso almoço na ilha e curtir uma bela praia de águas cristalinas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Shark Dive:

Nome do ponto é Cara a Cara e os residentes são os tubarões-de-recife caribenhos, a profundidade gira em torno de 18 a 20 metros.

Uma operadora local fornece serviços de mergulho com tubarões para vários resorts de mergulho de Roatan e, já que todos os mergulhos com tubarões são feitos no mesmo lugar (um platô de areia particular com cabeços de corais majestosos despontando do fundo), as viagens de barco variam de 15 minutos a uma hora, dependendo da localização do resort. 

Além da ação dos tubarões (que geralmente envolve de 10 a 20 tubarões-de-recife), moreias verdes, barracudas e garoupas-negras frequentemente se unem à festa. 

A experiência não tem nada a ver com outras operações de shark feeding no mundo, aqui não se alimenta os animais diretamente, as iscas são colocadas em uma caixa vazada que fica no meio dos mergulhadores durante um certo período de tempo e os animais ficam tranquilamente rodando sem demostrar comportamento agressivo, atraídos pelo cheiro dos peixes apenas, ao fim do mergulho o tratador abre a caixa com todos os participantes colocados a uma devida distância e rapidamente os peixes são devorados pelos “dentuços” que ainda ficam ali rodeando o recife após o show.

Esse tipo de mergulho favorece aos fotógrafos, que podem capturar momentos muito mais naturais de interação com esses fantásticos animais.

Dolphin Dive:

O mergulho com golfinhos pode ser feito tanto de snorkel dentro da área do complexo, assim como em mar aberto usando equipamento autônomo normal, os animais são bem curiosos e interagem passando bem próximos aos mergulhadores, ótimas oportunidades fotográficas também. 

Mayan Princess

Nos últimos 2 dias de viagem ficamos hospedados no Mayan Princess Resort, um hotel classe A, com sistema all inclusive, que incluí até bebidas alcoólicas e fica localizado em uma bela praia mais próxima do centro da ilha, possui excelente operação de mergulho também, mais indicado para famílias onde um dos conjugues não mergulhe.

Dicas:

Documentos de viagem: Todos os visitantes devem ter um passaporte com validade de no mínimo 6 meses.

Visto: Brasileiros não precisam de visto para entrar em Honduras. Se você vai para Roatan com escala / conexão nos EUA será necessário o visto Americano.

  • Nome oficial: Republica de Honduras.
  • Nacionalidade: Hondurenha.
  • Capital: Tegucigalpa.
  • Clima: Tropical.
  • Temperatura: A ilha tem uma temperatura durante todo o ano em torno de 26° C.
  • Visibilidade: 30 metros.
  • Temperatura da água: 28° C.
  • Vacina: Febre amarela. Deverá ser tomada com mínimo de 10 dias antes da viagem.
  • Idioma: Espanhol, porém pode ouvir o inglês (especialmente nas ilhas da Baía).
  • Moeda: Lempira (HNL), mas o dólar é bem aceito.
  • Eletricidade: É de 110v e de 60Hz. Para evitar problemas para recarregar seus equipamentos eletrônicos viaje preparado com um adaptador.
  • Taxa de saída Roatan: USD 25 (atenção apenas em papel moeda).
  • Aeroporto: Aeroporto Internacional Juan Manuel Gálvez.
  • Telefone: Chamadas internacional para Roatan exigem os seguintes códigos – 504 e o número local de oito dígitos.
  • Fuso horário: 03 horas a menos em relação ao horário oficial de Brasília.
  • Importante: Repelente, medicamentos básicos, roupas leves e protetor solar.

Mergulhadores de todas as idades poderão explorar o mundo subaquático maravilhoso que circunda Roatan, onde encontrarão também diferentes modalidades de mergulho, atividades de vela e snorkeling. Os hóspedes que desejarem relaxar de verdade poderão passar o dia em uma das inúmeras praias de areia fina, consideradas as melhores do Caribe. Desfrute de uma pitada de cultura local e participe de um passeio pela ilha, incluindo a capital de Roatan, Coxen Hole e as movimentadas vilas de pescadores de French Harbour e Little Venice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *